Compartilhar nas Redes Sociais

Homem preocupado por ter o pedido de aposentadoria negado pelo INSS

Se você trabalha como eletricista este post é muito importante para você. Já que explico porque, inúmeros pedido de aposentadoria especial do eletricista são negados pelo INSS todos os dias.

– Clique aqui para saber mais sobre a aposentadoria especial do eletricista

Hoje vamos falar sobre os dois principais motivos que fazem com que o INSS negue o pedido de aposentadoria especial para o eletricista.

– Clique aqui e descubra os segredos da aposentadoria especial do eletricista

Saber quais são estes motivos vai te ajudar a evitar prejuízos na hora de dar entrada no seu pedido de aposentadoria.

Porque minha aposentadoria pode ser negada pelo INSS?

Aposentadoria especial do eletricista é uma forma de RECOMPENSAR pelo período de trabalho em atividade perigosa.

Mas apesar de ser um direito, é preciso ficar atento para que se pedido não seja negado pelo INSS.

Clique no botão abaixo e saiba tudo sobre a aposentadoria especial do eletricista!

Existem vários motivos que fazem o INSS negar o pedido de aposentadoria especial. Dois desses são bem recorrentes quando falamos de aposentadoria especial do eletricista.

Isso porque a aposentadoria especial é um modalidade de aposentadoria mais vantajosa, pois requer apenas 25 anos de contribuição. Por isto a análise feita pelo INSS é bem mais rigorosa, o que faz com que muitos pedidos sejam negados.

Dois motivos para o INSS NEGAR seu pedido de APOSENTADORIA ESPECIAL

  1. Falta de Reconhecimento de Atividade Especial

Este é sem dúvidas o top 1 dos motivos que fazem o INSS negar o seu pedido de aposentadoria especial.

Mas porque isso acontece?

Como já falamos a aposentadoria especial é concedida para o trabalhador que comprovar que trabalhou em condições consideradas prejudiciais a sua saúde e integridade física.

Portanto, para receber esta aposentadoria, o eletricista tem que comprovar que trabalhou  exposto a nível de tensão superior a 250 volts, pelo período de 25 anos.

Mas acontece que muitas vezes o pedido de aposentadoria especial é feito pelo trabalhador sem apresentação dos documentos necessários para comprovar esta exposição. O que resulta na negativa do pedido pelo INSS.

Como posso fazer para evitar que meu pedido seja negado por este motivo?

Basta que você apresente os documentos que fazem a comprovação do trabalho em condição especial, quais são estes documentos:

Laudo Técnico de Condições Ambientais de Trabalho (LTCAT), e o Perfil Profissiográfico Previdenciário (PPP).

Criamos para você um Guia de Provas especial que EXPLICA PASSO A PASSO TUDO QUE VOCÊ PREVISA SABER PARA TER A SUA MELHOR APOSENTADORIA.

Se você seguir esta dica e apresentar os documentos necessários VAI GARANTIR QUE TERÁ UMA APOSENTADORIA MAIS VANTAJOSA.

2 – Tempo Insuficiente de Contribuição

 Este é outro que representa um dos mais comuns para a recusa da aposentadoria pelo INSS.

O cálculo do tempo de contribuição não é simples, ainda mais quando se trata de aposentadoria especial. Podendo, em razão disso, ser feito de forma equivocada até mesmo pelo próprio INSS.

Se o seu tempo de contribuição não for suficiente para a aposentadoria, o seu pedido não será concedido.

Por isso é muito importante saber exatamente quanto tempo de contribuição você tem antes de dar entrada no pedido de aposentadoria.

Além de somar corretamente o tempo é importante verificar se este tempo esta lançado no seu CNIS. Este é documento pelo qual o INSS faz a analise do seu tempo de contribuição.

Você pode ter acesso ao seu CNIS (documento onde constam todas as informações das empresas em que você trabalhou), no site do MEU INSS. Basta fazer o seu cadastro e gerar o CNIS.

Dentro do próprio site você consegue fazer a simulação do seu tempo de contribuição. Mas é importante estar atento se todas as informações estão lançadas corretamente no seu CNIS para que o cálculo não fique incorreto.

Gostou do nosso post? Clica no botão abaixo para baixar o e-book que preparamos para você.

Por que o INSS costuma negar o pedido de aposentadoria do eletricista?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *